Home Destaques Governo federal transfere R$ 7 milhões para ações em São Sebastião

Governo federal transfere R$ 7 milhões para ações em São Sebastião

10540
0
Sāo Sebastiāo (SP) - 20/02/2023 - O presidente, Luiz Inácio Lula da Silva (d), e o governador de Sāo Paulo,Tarcísio de Freitas (e) durante pronunciamento sobre a situação emergencial no litoral norte de São Paulo após as fortes chuvas. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

O governo federal oficializou a transferência de R$ 7 milhões para São Sebastião, cidade do Litoral Norte de São Paulo que foi a mais atingida pelo temporal durante o Carnaval.

O repasse está em uma portaria publicada em edição extra do “Diário Oficial da União”.

De acordo com a portaria, assinada pelo secretário nacional de Proteção e Defesa Civil, Wolnei Wolff Barreiros, os recursos deverão ser aplicados em ações de resposta ao desastre provocado pelo temporal.
Boletim: Vítimas dos deslizamentos no Litoral Norte de SP são enterradas em Santo André, no ABC Paulista

Boletim: Vítimas dos deslizamentos no Litoral Norte de SP são enterradas em Santo André, no ABC Paulista

Buscas

Equipes de resgate continuam a busca por desaparecidos após enchentes e deslizamentos provocados pela forte chuva que atingiu o Litoral Norte de São Paulo.

O balanço da Defesa Civil aponta 48 mortes, sendo 47 delas em São Sebastião. Uma pessoa morreu em Ubatuba.

Há dúvidas sobre o número de desaparecidos. O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, havia informado 38. Antes, porém, o tenente-coronel Hengel Ricardo, coordenador da Defesa Civil estadual, afirmou que eram 57.
Agentes da Defesa Civil em ação conjunta com equipes de resgate, entre eles Soldados do Exército, buscam por pessoas possivelmente soterradas no entorno das casas da Vila Sahy, antiga Vila Baiana, em São Sebastião, litoral norte de São Paulo, após graves deslizamentos de terra devido às fortes chuvas dos últimos dias no local. A vila foi o local mais atingido pela catástrofe que já deixou ao menos 44 mortos em toda a região. — Foto: TIAGO QUEIROZ/ESTADÃO CONTEÚDO

Agentes da Defesa Civil em ação conjunta com equipes de resgate, entre eles Soldados do Exército, buscam por pessoas possivelmente soterradas no entorno das casas da Vila Sahy, antiga Vila Baiana, em São Sebastião, litoral norte de São Paulo, após graves deslizamentos de terra devido às fortes chuvas dos últimos dias no local. A vila foi o local mais atingido pela catástrofe que já deixou ao menos 44 mortos em toda a região. — Foto: TIAGO QUEIROZ/ESTADÃO CONTEÚDO

Os trabalhos de buscas acontecem especialmente em bairros da costa sul da cidade de São Sebastião, como a Vila do Sahy, área que concentra a maioria das vítimas da tragédia, e Juquehy.

Além do trabalho de resgate, as equipes atuam para desobstruir o acesso por terra. A rodovia Mogi-Bertioga, por exemplo, segue completamente bloqueada e a previsão é que demore ao menos dois meses para que seja liberada.

Já a rodovia Rio-Santos tem pontos de bloqueio, parcial e total, por causa de deslizamentos de terra.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) esteve no Litoral Norte de São Paulo na segunda-feira (20). Ele pregou união e ação conjunta entre governos federal, estadual e municipais para o enfrentamento dos desastres.

Ele também falou em construir casas, em “terrenos seguros”, para famílias que foram prejudicadas pelas tempestades na região.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here